Policial | 02/08/2019

Polícia identifica homem e mulher encontrados mortos no Siri



A Polícia Civil identificou o homem e a mulher encontrados mortos com perfurações de arma de fogo na comunidade do Siri, em Florianópolis. O delegado Ênio Matos, da Delegacia de Homicídios, não divulgou os nomes, mas disse na manhã desta sexta-feira (2) que as vítimas, ambas de 20 anos, são naturais do Rio Grande do Sul.

Os corpos foram localizados pelos policiais na manhã de domingo (28) na Servidão Caminho das Dunas. Segundo a polícia, 28 estojos de calibre 9 milímetros estavam no local.

A identificação foi feita a partir das impressões digitais e confronto com prontuários, disse o delegado. O Instituto Médico Legal (IML) foi procurado, mas até a publicação não informou o nome do casal.

Ainda conforme Matos, as investigações buscam esclarecer a motivação dos homicídios e a suspeita é de que tenha relação com o tráfico de drogas. Ninguém foi preso até a última atualização da reportagem.


teste